IFL SP

Home > Objetivismo Brasil > De forma análoga à relatada por Ayn Rand em “Cântico”, TSE define pela existência de “Palavra Inexprimível”

De forma análoga à relatada por Ayn Rand em “Cântico”, TSE define pela existência de “Palavra Inexprimível”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Por Lucas Martins

Ayn Rand (1905 – 1982), autora (best-seller) e filósofa criadora do Objetivismo, foi educada na Rússia e emigrou para os Estados Unidos ainda no início da vida adulta, em 1926. Ela escreveu em uma época na qual o coletivismo assolava o mundo, tanto na Rússia comunista, quanto na Alemanha nazista e na Itália fascista. Apesar de escrito há cerca de cem anos (1937), Cântico elucida os prejuízos de ideais que atentam contra a liberdade individual, o que parece ser uma realidade no Brasil, em 2022, considerando as recentes decisões do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) que proibiram comentaristas da emissora Jovem Pan de falar sobre a situação judicial do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Lula).  

Na Obra, Ayn Rand retratou, de forma crítica, uma sociedade em que imperava um regime governamental totalitário de tipo fascista-comunista. Os personagens não tinham qualquer liberdade individual, o que fica claro através da ausência de nomes próprios e de poder de escolha da profissão; do local de residência; do parceiro para reprodução; de interesses e de lazer: todos definidos pelo Estado. No regime citado por Ayn Rand, “todos os homens são um e não há vontade alguma, exceto a vontade de todos os homens juntos” [pág. 44], motivo pelo qual o termo “eu” era tido como “Palavra Inexprimível [pág. 72].

Como veio a fazer em outras obras[1], Ayn Rand tratou dos princípios básicos do Objetivismo, “a saber: razão, individualismo, volição, a sustentação de valores que não contradizem a razão etc.” [pág. 8]. Tais valores foram apresentados através das características do personagem principal, Igualdade 7-2521: “indivíduo heroico que se revolta contra a ordem política totalitária, o brilhantismo individual que o conduz a ações “socialmente erradas”, a punição e a perseguição pela virtude etc.” [pág. 8].

Origem: De Forma Análoga À Relatada Por Ayn Rand Em “Cântico”, Tse Define Pela Existência De “Palavra Inexprimível” – Objetivismo Brasil

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.